Vídeo minimalista traz reflexões necessárias na campanha de Setembro Amarelo da ONErpm

Criado pelo time da ONErpm no Brasil, a animação fala sobre saúde mental e a importância de olharmos para os nossos próprios sentimentos

Recomendados

Pelo quarto ano consecutivo, a ONErpm abre espaço para reforçar a importância do Setembro Amarelo, iniciativa de prevenção ao suicídio, criada em 2015, no Brasil, foi pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria). 

Desde o início, a ONErpm teve como objetivo criar conteúdos, alimentar as pautas em torno do tema e direcionar seus esforços para a promoção dos canais de ajuda.  Neste segundo ano pandêmico, a empresa decidiu criar um vídeo animado destacando passos imprescindíveis no processo de criar um apoio  emocional para quem precisa. 

Com uma mensagem de acolhimento e respeito, o vídeo de um pouco mais de três minutos conta com roteiro, animação e direção feitos por funcionários da empresa e apresenta, através da simbologia dos círculos,  a ideia de que, apesar de sermos vistos enquanto um conjunto de pessoas que vivem e reagem de formas parecidas, somos individuais em nossos sentimentos.

“Todo ano nos posicionamos a favor do Setembro Amarelo e, ainda, somos a única empresa do ramo que faz isso. Para mim, é de extrema importância falarmos sobre angústias psíquicas no meio do entretenimento, afinal, atrás de toda performance artística, existe um ser humano tendo que lidar com pressões, expectativas e frustrações todos os dias e, na maioria das vezes, de forma pública” comenta Iasmine Amazonas, Diretora de Marketing ONErpm. 

Além do vídeo, uma LIVE com o CVV está prevista para ser feita no Instagram da ONErpm no fim do mês como parte do empenho da empresa em fortalecer a caminhada (ou luta)  de artistas e fãs que lidam diariamente com desafios de qualquer ordem no quesito saúde mental.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar