Covid-19 e o futuro da música

Confira as recomendações especiais do time da ONErpm para o seu futuro na música

Especial COVID-19Mais LidasRecomendadosRecursos de MarketingÚltimas Notícias

À medida que a nossa sociedade vai se adaptando aos novos números da COVID-19, começamos a pensar sobre os efeitos da próxima fase da pandemia. Mesmo imaginando que, no futuro, as restrições ficarão mais flexíveis, sabemos que ainda assim as coisas não mudarão de forma radical e nem voltarão a serem como eram antes por algum tempo.

A maior parte da população entende a gravidade do vírus e podemos prever que shows, festivais e grandes eventos não serão permitidos tão cedo. Como aglomerações de pessoas não devem ser liberadas pelos especialistas e governantes tão rapidamente, podemos notar que a tendência é que as transmissões online ocupem esse espaço por mais tempo e preparar uma boa live é uma saída para ampliar e fidelizar ainda mais a sua audiência – leia mais aqui.

O impacto que essa lenta transição terá na vida dos artistas e no resto da indústria musical não é totalmente claro, mas é essencial que todos os artistas e selos façam um balanço dos impactos a longo prazo em suas vidas. Afinal, não são apenas shows: direitos de apresentação pública e royalties de sincronização também foram prejudicados por conta da pandemia, pois os programas de TV e comércios não estão executando suas músicas. Se você tem dúvidas sobre as diferenças entre esses royalties, o blog Soundcharts tem uma matéria detalhada sobre o assunto.

Esse período é importante para se aprofundar sobre a sua performance nas plataformas digitais. Embora o número geral de fluxos esteja baixo no momento, não estamos vendo redução na receita, pois a pandemia não teve um impacto direto nas assinaturas dos serviços de música digital. Confirmando essa constatação, Daniel Ek, um dos fundadores e CEO do Spotify, disse em recente entrevista ao Music Business Worldwide que o crescimento da plataforma está acelerando. Para entender melhor esse processo, fizemos um post sobre as mudanças do comportamento dos e os efeitos na sua receita.

Como sempre, o trabalho da ONErpm é olhar o futuro e identificar tendências do mercado para reunir com segurança diversas recomendações para os nossos artistas, independente de sua fase na carreira. É o momento de concentração, análise e de manter os pensamentos positivos, pensando no crescimento da sua carreira de forma sustentável e a longo prazo.

  • Comece a produzir música agora. muitos engenheiros de áudio freelancers estão precisando de um job e podem te ajudar no  seu próximo lançamento. Lembre-se: as pessoas querem algo novo para distraí-las hoje em dia, e com certeza haverá uma pressa consumir coisas novas após a crise. À medida que as coisas começarem a se aproximar da normalidade, você precisa estar preparado.
  • Ensine seus fãs a consumirem a sua música. Os anúncios no YouTube pagam receita e o Spotify paga também. A Apple Music paga mais que isso e o Napster paga ainda mais. Se seus fãs realmente querem ajudar, é claro que eles podem comprar downloads / merchan físicos, participar de vaquinhas ou contribuir com opções de pagamento direto como o Cash App (que o Spotify acabou de integrar à sua plataforma). Mas se o seu relacionamento com seus fãs estiver próximo, vale a pena conversar com eles sobre como eles podem remunerar seu trabalho através do consumo.
  • Explore novas redes sociais. O TikTok é um ótimo exemplo, apesar de estar ciente de sua política de privacidade e de suas recentes falhas de segurança – temos alguns artistas que reservaram um telefone e um e-mail para usar na plataforma, por excesso de cautela. Isso lhe dará a oportunidade de abordar diferentes públicos, interagir com os fãs que você já tem de maneiras diferentes e ter uma idéia de para onde a indústria de entretenimento mais ampla se dirige.
  • Pense em novos modelos de receita, estratégias para distribuir produtos e como você pode cobrar por uma experiência de show mais íntima. Há muito tempo, os streamers do Twitch descobriram isso, com LIVES pagas e outros tipos de videos como os jogos. Outras plataformas oferecem soluções semelhantes, incluindo FANS e Patreon.
  • As LIVES continuarão sendo populares e, com a iminente implementação do novo mecanismo de gorjeta do Facebook, o lado comercial de LIVES estará ficando mais sofisticado. Passe algum tempo planejando sobre o que você pode ganhar com a produção de LIVES regulares – se você estiver disposto a isso, temos um bom guia sobre como agendá-lo e promovê-lo.

Sempre estaremos pensando no futuro, tentando antecipar as soluções que nossos artistas precisarão em algum momento. Ao entrarmos na próxima fase dessa quarentena global, queremos que você saiba que estamos colocando a sua saúde mental e arte como nossos focos principais. Trabalhamos com os sonhos de muitas pessoas e acreditamos no poder transformador da música. Afinal, todo novo lançamento tem o potencial de mudar a vida de alguém.

Etiquetas

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar